Topo

Fragmentação

20 de abril de 2014


Não sou mais alguém feliz
Meu sorriso já não quer dizer alegria
Aliás, já não significa nada mais!

Não consigo confiar em ninguém,
As pessoas nunca são o que fingem ser.
Você pode pensar me conhecer,
Mas nem o mínimo o podes saber,
Na verdade vês apenas o que quero!

Meus sonhos, desejos e vontades são só ilusão,
Meu sorriso, palavras e apoio não passam
De algo a te induzir ao erro.
Se você pensa que um dia me conheceu
É porque realmente consegui te enganar.

Sobre o sucesso... About sucess

9 de setembro de 2012


"Sucesso não deve ser alvo, mas consequência | Success mustn't be a target, only consequence - Matthew 6.33" Misael M.

Sobre o silêncio... About silence


"Silêncio nem sempre é falta de palavras, também é respeito - Pv 25.11 | Infrequently silence is lack of words, it is also about respect - Proverbs 25.11" Misael M.

Daniela Araújo - Milímetro

7 de setembro de 2012



Esta é a primeira faixa do disco autoral de Daniela Araújo, um álbum repleto de poesia e beleza, que fala do amor de Cristo de uma forma magnífica!

A faixa é apenas uma pequena introdução que é seguida pela música Tempo, mas é tão profunda e poética que se vai deixando um gostinho de quero mais.

Ouça e delicie seus ouvidos e olhos com essa belissíma canção! ;)

Muito além das aparências...

21 de julho de 2012


Não... quem vê cara não vê coração, nem a alma, nem a solidão ou o desespero escondidos atrás de sorrisos ou gestos. Não que essas coisas não sejam transparentes, mas o que as outras pessoas gostam mesmo são das evidências. Para elas, se sorrimos, é evidente que estamos felizes e não há razão para ir além. As pessoas se esquecem simplesmente que existimos além, muito além das aparências.

Se você diz que está triste, seus verdadeiros amigos vão querer saber por quê, vão se interessar. Talvez antes que você pronuncie uma palavra eles já notaram, por que te conhecem o suficiente. Mas em geral cada qual já tem suas próprias preocupações, legítimas ou não, para querer saber o que se passa dentro de um coração fechado.

A maldade em mim

19 de maio de 2012


A maldade do meu coração
Se expressa em minha ações,
Escorrendo-me pelas mãos,
Pés, olhos e lábios...

De braços abertos recebi o prazer
E aninhando ali Te vi longe de mim,
Afastando-se cada vez mais
Indo pra longe, tão distante,
No ermo me perdi,

Baptiste Giabiconi - One Night In Paradise

5 de maio de 2012


Fiquei realmente surpreso ao saber que Baptiste Giabiconi, modelo super-conceituado - um dos principais rostos da Chanel que já fez campanhas pra Armani, Fendi e Just Cavalli, inclusive aparece em editoriais de revistas como Vogue Paris, Harper's Bazaar e Elle Itália - também canta, e o melhor muito bem!

Mais uma estação e logo o outono vem

3 de abril de 2012

Se tem uma coisa que sou, e muito, é esquecido! Tenho problema de falta de atenção, as vezes sou desligadissímo, quantas vezes entrei num ônibus onde havia algum conhecido e nem vi-o. Vivo esquecendo tudo, nome das pessoas, onde acabei de colocar as coisas, o que estava fazendo, algo importante a lembrar, coisas que teria de levar, fazer isto ou aquilo e, dentre tantas outras, datas, principalmente as de aniversário e isso não se restringe apenas a dos outros, mas também a minha. Sei, pode parecer estranho, mas já teve ano que nem lembrei que era dia 30 e, consequentemente, meu aniversário, só quando vieram me felicitar.

Abra seus olhos

24 de março de 2012

By Pâmella

Até entender o que se passa dentro do coração de alguém, se percorre um longo caminho. Pois, nem sempre o que achamos existe, ou existirá. A capacidade de ocultar um sentimento, é fácil a primeira vista, mas, difícil a quem o sente. Sufocar um amor, esconder uma lágrima, gritar em silêncio, tudo escondido, tudo negado, porém, transparente no olhar. Não que seja certo ou errado, mas, porque esconder o que se sente? Não seja duro com sigo mesmo, não se feche diante de um amor, não se cale com uma dor. Por que deixa a janelar fechada, se o sol sempre vai entrar pela porta? A chuva sempre encontra seu caminho, deixe-a vir, sinta-a, movimente-se, deite-se, apaixone-se e viva. Não terá uma segunda chance, então, não se esconda, se encontre.

*Pâmella Christinna Ribeiro Ferracini escreve de um jeito simples e direto no blog Love in Red, vale a pena uma visitinha por lá. Como gostei, logo verão mais poemas e textos dela por aqui! ;)

Luciano Claw - Vida



Uma poesia em forma de canção, que fala sobre o distanciamento que nossas preocupações e desejos nos levam, fazendo separação entre o Eterno e nós, nossos pecados [Isaías 59.2].

A parte mais bela e verdadeira do poema é o inicio do refrão "Vou morrer para a morte, renascer na cruz..."

...Feliz pra sempre!


Destes a vida por mim
Para que eu pudesse
Lhe oferecer morada

Ouço batidas
A porta alguém vem bater
Voz sedutora convida a porta abrir
Pra corrermos por verdejantes pastos